Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Graduação
Início do conteúdo da página

Graduação

Publicado: Terça, 27 de Março de 2018, 18h11 | Última atualização em Terça, 22 de Junho de 2021, 19h59 | Acessos: 4000

Unidade: INEAF - Instituto Amazônico de Agriculturas Familiares / Universidade Federal do Pará

 

Identificação do curso: Desenvolvimento Rural.

Vídeo Institucional Sobre o Curso Desenvolvimento Rural

 

Outros vídeos sobre Desenvolvimento Rural:

1 - Um relato simples sobre DR pelo Prof. Eduardo Ehlers:
 

2- PGDR conhecendo o Desenvolvimento Rural:


3- Centro Sabiá (NE) : Agroecologia é vida:

 

Duração (anos): 4,5 anos.

 

Tipo: Bacharelado.

 

Turno: Vespertino.

 

Quantos períodos/semestres: 09 períodos.

 

Vagas ofertadas anuais: 45 vagas.

 

Campus: Campus Belém: Rua Augusto Corrêa, 01, Bairro Guamá – campus Básico, prédio do INEAF.

 

História:

 

Nas últimas décadas, a UFPA tem aprimorado seu projeto de interiorização, através do conceito de “Universidade - Rede”, implementando um sistema solidário e cooperativo entre os campi – na capital e em onze municípios polos. Assim, reconhecendo as potencialidades e vocação de cada unidade local, o Instituto Amazônico de Agriculturas Familiares (INEAF), com mais de duas décadas de atuação na graduação e Pós-graduação, propõe um novo curso de graduação em Desenvolvimento Rural, cujo locus de atuação está nas questões relativas à gestão do desenvolvimento rural, numa perspectiva interdisciplinar inovadora e crítica, em diversas realidades produtivas e socioculturais, nas distintas escalas territoriais, amazônica e global.

 

Descrição do curso:

 

O Bacharelado em Desenvolvimento Rural (BDR) se apresenta como mais uma possibilidade de formar cidadãos de forma crítica, mas sem desvalorizar o poder criativo e  de valorizar o caráter multiverso das realidades locais, sem deixar de lançar mão da escala global. O mesmo traz como novidade estágios de vivência curriculares de realidade e a possibilidade de escolha entre três ênfases ao longo da formação, todas ligadas as competências do bacharel em Desenvolvimento Rural, seja na ação local, territorial ou em maior escala socioeconômica e ecológica.

 

Objetivo:

 

Formar profissionais, em nível superior, com uma ampla, indissociada e sólida base técnico-científica para atuar no desenvolvimento rural. Deverá atuar em uma perspectiva interdisciplinar, inovadora e crítica, em diversas realidades produtivas e socioculturais, nas distintas escalas territoriais amazônicas e globais. O lema é de “Formar transformando e para transformar” a realidade rural, partindo da inerência entre Ensino - Pesquisa – Extensão.

 

Base curricular (Disciplinas, matérias e conteúdos que serão aplicados e abordados):

 

A proposta curricular está ancorada em um percurso interdisciplinar, tendo como referência as Ciências Agrárias, mas em diálogo constante com as ciências Naturais, Sociais Aplicadas, Ciências Exatas, Humanas dentre outros campos de conhecimentos. O curso conta com 4 eixos de articulação das disciplinas, ao longo de todo o curso, permitindo diálogos interdisciplinares com as realidades e os temas envolvidos na formação. Oficinas práticas, seminários, encontros e outras modalidades pedagógicas serão mobilizadas em momentos concretos de socialização dos conhecimentos construídos junto as comunidades rurais (teóricos e práticos).

 

Área de atuação do curso e do profissional de  Desenvolvimento Rural:

 

Esse profissional terá competências e habilidades, como: problematizar o contexto rural, privilegiando valores humanos, éticos e morais em suas relações pessoais e profissionais, dentro e fora do espaço universitário; Uma compreensão global, crítica e integrada das formas de produção e reprodução das famílias rurais, e sua relação com o contexto local considerando os limites e potencialidades de seus projetos de vida; Competência técnica na busca de respostas adequadas aos problemas que se manifestem dentro do contexto ambiental, social e econômico, bem como da evolução desse contexto, nos seus mais diversos níveis: unidades de produção familiar, comunidades rurais, unidades regionais, e esferas nacional e internacional; entre outras previstas no curso.

 

Perfil do Profissional formado pelo curso:

Os profissionais egressos deverão apresentar um perfil de caráter multidisciplinar, além de uma consolidada capacidade teórica e prática de tratar de demandas inerentes e relacionadas com processo de Desenvolvimento Rural. Além dessas habilidades acadêmicas, esse egresso estará apto a atuar como mediador, assessor, gestor ou prestador de assistência técnica e social em questões de desenvolvimento rural, prioritariamente, junto a agricultores familiares, indígenas e demais povos e comunidades tradicionais da Amazônia, resguardando sempre seus direitos específicos. O Bacharel em Desenvolvimento Rural também poderá atuar como pesquisador nos diversos campos de conhecimento de sua formação, intermediando também processos de intervenção de desenvolvimento entre a sociedade rural e suas organizações; o Estado e suas Políticas; Entidades e suas demandas específicas ou amplas; em território amazônico ou em outros  contextos territoriais.

 

MATRIZ CURRICULAR 

 

PROJETO DO CURSO

 

ATIVIDADES CURRICULARES E EMENTAS DE DISCIPLINAS

 

Fim do conteúdo da página